Compartilhe:

Entre diversas fontes de dores no nosso corpo e a dor de dente é uma das que mais incomodam as pessoas. As razões para as dores dentárias podem ser variadas, por isso é necessário procurar um dentista qualificado que possa realizar os exames fundamentais que vão apontar as principais causas.

Neste texto você poderá ver algumas causas comuns para as dores de dente. Além disso, você vai poder se informar melhor sobre os meios de prevenção que podem manter você livre das dores. Caso você esteja com algum tipo de dor procure um dentista para uma análise correta do seu problema e um tratamento seguro.

Maiores causas 

Existem diversos fatores conhecidos e estudados pelos dentistas que causam a dor de dente. As doenças gengivais, normalmente, são uma das principais origens de incomodo na boca para os pacientes. As dores e sangramentos gengivais, inicialmente, surgem como uma forma de gengivite, mas, caso não seja tratada pode se transformar em uma periodontite, podendo levar a perdas ósseas e dentárias.

A retração gengival também pode causar bastante dor de dente e é um problema comum entre os pacientes. Isso ocorre porque a gengiva se retrai expondo a raiz do dente, que é uma área bastante sensível, assim é criada uma área de sensibilidade, o que também pode ser fonte de uma dor intensa.

Os traumas dentários também são causas conhecidas para a dor de dente. Eles ocorrem em grande parte das vezes na prática de esportes e nos acidentes do dia a dia. Por isso, é importante sempre usar proteção ao fazer atividades que possam ocasionar pancadas na arcada dentária e corrigir o quanto antes, problemas de dentes protruídos, já que eles são muito mais susceptíveis aos traumatismos dentários.

Uma dor de dente que tem uma causa natural e que afeta a muitas pessoas é o nascimento do siso. Em alguns casos o seu crescimento implica em muitos incômodos, principalmente, quando há pouco espaço para o nascimento correto. Em alguns casos, é recomendado a remoção para eliminar as dores e para evitar o danos aos outros dentes.

Não poderíamos falar das maiores causas para a dor de dente sem deixar de citar as famosas cáries. As dores estão associadas a infecção que as bactérias causam ao atingir as camadas profundas dos dentes. Com isso, surgem dores intensas e nos casos mais graves pode ser necessário fazer o tratamento de canal do dente.

Principais motivos para dor de dente

Com algumas atitudes simples é possível evitar qualquer um dos problemas citados acima. Exemplo disso é uma alimentação saudável, comidas e bebidas que têm muito açúcar são mais propensas ao surgimento de cáries e outras doenças.

A escovação e o uso do fio dental também são de suma importância para evitar a dor de dente. É essencial fazer uma boa higienização após as refeições com muita atenção a todas as regiões da boca. Também é importante verificar se a escova está em boas condições, pois com o tempo ela fica deteriorada e perde a sua efetividade. É recomendado também a visita periódica ao dentista, de 6 em 6 meses, para realizar a limpeza dos dentes, remoção da placa bacteriana  e do tártaro que não são facilmente retirados na escovação.

Ajuda profissional 

Além da prevenção, assim que surgirem as primeiras evidências de alguns dos problemas citados neste texto, é recomendado procurar um dentista que vai indicar a melhor solução. Só com uma boa experiência e a ajuda de exames adequados, torna-se possível dar um diagnóstico seguro e confiável. De forma alguma é recomendado que se faça uma automedicação, pois ela pode oferecer riscos graves para a saúde do paciente.

Gostou? Não deixe de seguir a Clínica Rodrigo Almada nas redes sociais para ficar por dentro de todas as nossas novidades.

Compartilhe: