Compartilhe:

Durante os tratamentos ortodônticos, alguns cuidados devem ser considerados. Um exemplo claro são as consultas regulares com o ortodontista, que possuem o objetivo de acompanhar o progresso e fazer os ajustes necessários.

Apesar do acompanhamento ser necessário, algumas pessoas acabam não se preocupando, sobretudo, após um certo tempo de tratamento. Algumas chegam até a abandoná-lo de vez.

O abandono de tratamento é considerado quando a pessoa não realiza os controles, com base nas orientações do ortodontista. Isso pode acarretar sérios problemas para a sua saúde buccal e resultado do tratamento.

Abandonar o tratamento ortodôntico pode ocasionar problemas para a sua saúde bucal

No início de um tratamento ortodôntico, o ortodontista realiza um planejamento prévio, que projeta as correções e os ajustes necessários para cada caso.

Em algumas situações, o processo de tratamento pode acabar demorando um pouco mais do que o esperado, o que é normal.

Porém, se o paciente deixa de seguir as instruções e fazer as consultas periodicas ao dentista, vários problemas podem surgir. Os dentes dos pacientes voltam à posição antiga, além do osso que suporta os dentes poder ficar comprometido.

O tempo será prolongado caso a pessoa queira retomar o tratamento

Dependendo do tempo em que a pessoa fica sem ser atendida pelo ortodontista, pode ser necessário fazer uma nova documentação ortodôntica, que inclui radiografias e fotografias. Isso é importante para avaliar a nova posição dos dentes e a condição dos ossos e gengivas.

O aparelho, quando não controlado, pode continuar movimentando os dentes para posições indesejadas, fazendo com que o problema se agrave.

Outros problemas que podem ser ocasionados pelo abandono ao tratamento

Abandonar um tratamento ortodôntico pode ocasionar perda óssea e a reabsorção das raízes. Elas são decorrentes das forças inadequadas que são promovidas pelo aparelho não controlado ou danificado.

Outros problemas que podem ser destacados são as cáries, devido à dificuldade de higienização decorrente do uso do aparelho, e inflamação da gengiva, causada pelo acúmulo de bactérias e restos de alimentos.

Para você não passar por tudo isso, o correto é seguir com o tratamento do início até o final do processo. Além disso, certifique-se que esteja tratando o problema com um profissional inteiramente da sua confiança.

Em caso de dúvida ou sugestão, entre em contato conosco. Também agende a sua consulta em nossa clínica!

Compartilhe: